segunda-feira, 10 de março de 2014

Públicas!

O principal objectivo de uma ida à casa de banho (no caso das raparigas) é nada mais nada menos que para "cuscar" tudo o que não podemos "cuscar" enquanto estamos na presença de outras pessoas.

Mas eis que nos deparamos com uma questão... Casas de banho públicas mistas! A mesma casa de banho para rapazes e raparigas! Ao falar, falo com experiência. Casas de banho são estranhas, tomemos por exemplo a casa de banho da minha faculdade, por vezes deserta (o que é ideal para falar e quando queremos apenas nos ver ao espelho sem fazer figuras), mas ao usa-la pela primeira vez desconhecia algo...
Lá estava eu a apertar o cinto das calças, já em frente ao espelho quando entra pela casa de banho dentro um rapaz! Fingi que não se passava nada mas qualquer um ficava deveras atrapalhado, passadas algumas semanas apercebi-me que a estranheza não passava só por aquele episódio, quando sempre que entrava na casa de banho via uma senhora a entrar para uma espécie de "despensa" anexada, pensei cá pra mim "Mas será que as senhoras de limpeza moram aqui?". 

Expliquem-me... Como podemos nós, ter conversas de casa de banho sem, sermos apanhadas com a boca na botija?
Eu tento explicar... Esquecendo-nos que existem mais pessoas a usar o WC, e aí lá vai o descalabro, falamos de professores, quando eles podem estar mesmo ao nosso lado, e falamos de segredos íntimos quando alguém pode estar a apontar... É melhor precaver ! Nós andamos á escuta ;)


Até à próxima conversa! :3



Um comentário:

  1. Gostei! Escreves muito bem. E a ilustração está engraçada! ahah :D

    ResponderExcluir